Produtores rurais de Casimiro de Abreu participam do curso de Formação de Agentes em Sanidade Animal

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on telegram
Share on twitter
Share on email
Share on linkedin
Share on print

Casimiro de Abreu recebeu nesta quinta-feira o primeiro curso virtual de Formação de Agentes em Sanidade Animal. Além de formar produtores e profissionais que estão diretamente ligados às atividades rurais acerca da importância da sanidade animal para a saúde coletiva e o meio ambiente, o curso teve como objetivo capacitá-los para praticarem as vacinações com segurança e bem-estar animal.

Durante a manhã foram realizadas as palestras on-line no auditório do Instituto dos Servidores Públicos (Iprev), no Centro de Casimiro de Abreu, sobre os temas febre aftosa, raiva, brucelose, tuberculose, legislação sanitária, boas práticas de vacinação e bem-estar animal, com as médicas veterinárias da Coordenadoria de Defesa Animal do Estado Renata Falcão, Lília Marques e Liliane Vidal.

Durante a tarde, os participantes observaram os equipamentos e materiais utilizados na vacinação, além de uma simulação na propriedade rural no Rancho Antares, próximo ao Sítio Agrícola, a fim de demonstrar o manejo correto da vacinação, contenção e coleta de material.

“É importante conhecer a agulha para cada tipo de vacina, seu armazenamento, a posição correta para aplicação no animal, além do uso de EPI’s, como luvas e a máscara, pra evitar a contaminação do profissional”, observou o médico veterinário da Secretaria Municipal de Agricultura, Mauro Banho.


Também foi lançada a Campanha de Vacinação contra a Febre Aftosa. Os proprietários rurais têm que vacinar todos bovinos e bubalinos do município com idade de zero a 24 meses. “Na década de 80, a aftosa era uma realidade preocupante para todos. Mas o trabalho que vem sendo feito desde então está trazendo resultados positivos. Desde 1997 não registramos casos de aftosa no Estado do Rio de Janeiro. Nosso trabalho é de prevenção. Por isso a vacinação é tão importante”, ressaltou o médico veterinário Expedito Barros Coelho.

O curso foi uma parceria entre a Prefeitura de Casimiro de Abreu e o Governo do Estado, com organização do secretário Municipal de Agricultura e Pesca, Douglas Veloso; o presidente da Fundação Municipal, Jarlei Aguiar; o chefe do Núcleo de Defesa Agropecuária de Casimiro de Abreu, Rodrigo Alvim; e a coordenadora de Educação Sanitária da Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária, Pesca e Abastecimento do Rio, Rosa Maria Antunes.

Pesquisar

Categorias

Notícias por Mês

Escolha o mês

Publicidade

No data was found