Prefeitura inicia ações para regularização fundiária em Casimiro de Abreu

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on telegram
Share on twitter
Share on email
Share on linkedin
Share on print

Com o objetivo de retomar os processos de regularização fundiária em Casimiro de Abreu, o prefeito Ramon Gidalte recebeu na manhã desta sexta-feira (16), a presidente do Instituto de Terras e Cartografia do Estado do Rio de Janeiro, Landijara Duarte. O deputado estadual Max Lemos também participou do encontro.

 

“Nosso objetivo é formalizar um termo de cooperação técnica entre o ITERJ e a prefeitura para a regularização fundiária de áreas públicas municipais,  e também a implementação de regularização plena para projetos de apoio para as comunidades. Temos uma meta a cumprir designada pelo governo do Estado, e queremos avançar na parceria com os municípios para a regularização fundiária”, explicou Landijara Duarte.

 

Após reunião no gabinete, o prefeito Ramon Gidalte juntamente com a equipe técnica do ITERJ percorreram as ruas dos bairros Perez Gidalte, Vilage do Poeta, Perimetral Leste, Vale do Indaiassú e Jardim Aparecida para analisar os locais que serão contemplados com os títulos de propriedade.  

 

“Estamos com o mesmo objetivo nesta parceria. Além destas áreas, que são basicamente em área urbana, queremos viabilizar a regularização fundiária em todos os distritos de Casimiro de Abreu. Isso levará mais dignidade aos moradores e irá valorizar os imóveis como também contribuir para a melhoria da economia local. A prefeitura está aqui para somar”, disse Ramon Gidalte.

 

Também participaram do encontro o secretário de Planejamento e Processamento de Dados, Mauro Goulart, além dos vereadores Marquinho da Vaca Mecânica, Pedro Gadelha e Wellington Santos.  

 

O ITERJ – O Instituto de Terras e Cartografia do Estado do Rio de Janeiro – ITERJ é uma autarquia vinculada à Secretaria das Cidades do Governo do Estado do Rio de Janeiro. Tem como atribuição constitucional democratizar o acesso à terra – posseiros, sem teto e sem terra – intervindo na solução dos conflitos e nos processos de regularização fundiária.

 

Como órgão técnico, o ITERJ é o executor da política fundiária do Estado visando promover, ordenar e priorizar os assentamentos urbanos e rurais, em terras públicas e privadas.

 

Pesquisar

Categorias

Notícias por Mês

Escolha o mês

Publicidade

No data was found