Prefeito volta a cobrar melhorias no abastecimento de energia elétrica em Casimiro de Abreu

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on telegram
Share on twitter
Share on email
Share on linkedin
Share on print

Em nova reunião realizada na tarde de terça-feira (02), por videoconferência, o prefeito de Casimiro de Abreu, Ramon Gidalte, voltou a cobrar melhorias no abastecimento de energia elétrica junto aos representantes da Agência Nacional de Energia Elétrica – ANEEL e a concessionária Enel.

A péssima qualidade da energia fornecida no município, que tem gerado muitas reclamações por parte dos consumidores, e o prazo de conclusão da subestação de energia na cidade foram os assuntos mais debatidos na reunião.

O diretor da Enel, Luiz Antônio Gazulha, afirmou que a concessionária irá fazer ainda neste ano de 2021 uma ação prevista de R$ 1 milhão em investimentos. Já a ação estrutural da construção da subestação de Casimiro de Abreu está prevista para 2024 totalizando um investimento de R$ 24 milhões.

“Queremos garantir níveis de tensão adequados na região até a conclusão da obra da futura subestação de Casimiro de Abreu prevista para 2024. Continuar a trajetória de redução no tempo médio das interrupções em toda a região (redução de +9% entre 2022 e 2023), além de mais de 60 quilômetros de inspeção de redes e 1.326 podas preventivas, são algumas de nossas ações imediatas para este ano no intuito de melhorar a qualidade de nosso serviço na cidade”, disse.

Participaram também do encontro virtual o secretário de Obras e Serviços Públicos, Mauro Goulart, o deputado federal Professor Joziel (PSL) e os vereadores Carlos de Itamar e Marcelo Mota. O prefeito cobrou atitudes da ANEEL e falou dos prejuízos econômicos causados pela má qualidade da energia fornecida.

“Queremos investir no turismo, atrair novas empresas para a cidade, mas a péssima qualidade do serviço de energia elétrica afasta os empresários de investirem na cidade. Isso precisa ser solucionado a curto prazo. Enquanto estiver como prefeito vou cobrar constantemente melhorias no serviço, pois a população não aguenta mais sofrer com essa situação”, disse Ramon Gidalte.

O deputado federal Professor Joziel cobrou ações da ANEEL e reforçou a importância da energia elétrica no desenvolvimento da região. “A gente precisa de algo contundente da concessionária para resolver essa queda de energia na cidade. O povo está sofrendo muito com toda essa situação, que já se arrasta há anos”, comentou o parlamentar.

O superintendente de Fiscalização dos Serviços de Eletricidade da ANEEL, Giácomo Francisco Almeida, afirmou que fará uma reunião trimestral com a Enel para que as metas estabelecidas pela agência reguladora sejam cumpridas. “Apesar dos números indicadores apontarem melhora nos últimos anos, sabemos que está longe do ideal. O sinal amarelo está aceso”, pontuou.

Uma reunião foi agendada para o mês de maio com a ANEEL e a concessionária de energia a fim de esclarecer a situação dos serviços oferecidos em Casimiro de Abreu.

 

Pesquisar

Categorias

Notícias por Mês

Escolha o mês

Publicidade

No data was found