Prefeito Ramon Gidalte participa de cerimônia de abertura da X Exposição do Cavalo Campolina

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on telegram
Share on twitter
Share on email
Share on linkedin
Share on print

O prefeito Ramon Gidalte participou, na tarde de hoje (22), da cerimônia de abertura da X Exposição Brasileira do Cavalo Campolina. O evento, que está sendo realizado no Parque de Exposições Henrique Baptista Sarzedas, reúne animais de oito estados e é considerado a segunda competição mais importante da raça no país. O vice-presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro, deputado Jair Bittencourt, e o secretário estadual de Agricultura, Marcelo Queiroz, também prestigiaram a abertura.

O evento segue até o próximo sábado e deve injetar mais de R$ 2 milhões na economia do município. “É orgulho muito grande trazer esse evento para Casimiro de Abreu. Além do incentivo ao agronegócio, estamos fomentando a economia da nossa cidade. São centenas de pessoas envolvidas diretamente no evento se hospedando no nosso município, almoçando nos restaurantes da cidade e comprando no nosso comércio. Em quatro dias de evento, serão mais de R$ 2 milhões girando em Casimiro”, revelou o prefeito Ramon Gidalte.

Em seu discurso, Ramon deixou abertas as portas do município para a realização de novos eventos da modalidade. “Casimiro tem potencial para se tornar a capital carioca do cavalo. Somos a segunda cidade do país que mais realizou eventos de cavalo nos últimos 12 meses.  Acreditamos demais nesse segmento e vamos continuar apoiando esses eventos. É uma forma de alavancar o turismo e proporcionar um aquecimento na economia local”, disse Ramon.

O deputado Jair Bittencourt elogiou a inciativa do prefeito Ramon em apoiar a realização do evento. “Eventos como esse fortalecem o interior do nosso estado. Casimiro de Abreu é uma cidade muito bem localizada e pode se tornar referência nesse setor. Parabéns pela coragem de apoiar esse segmento e pode contar com o apoio do governo do estado e da Alerj para fomentar ainda mais o agronegócio”, afirmou o deputado.

O presidente da Associação Brasileira de Cavalos Campolina, Plínio Siqueira, destacou que a equinocultura é um dos setores que mais empregam no país. “A equinocultura gera, por exemplo, mais empregos que o setor automobilístico. Esse evento está atraindo pessoas de todos os cantos do país, gerando uma receita milionária para o município. Sem falar, nos empregos que estão sendo gerados. É um ganho muito importante para o município”, revelou Plínio.

Pesquisar

Categorias

Notícias por Mês

Escolha o mês

Publicidade

No data was found