Pré-registros de ocorrências poderão ser realizados em Barra de São João

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on telegram
Share on twitter
Share on email
Share on linkedin
Share on print

Uma grande conquista! A partir de agora, os moradores de Barra de São João poderão realizar o pré-registro das ocorrência policiais no Centro Administrativo Celio Sarzedas, em Barra de São João.

O anúncio foi feito nesta sexta-feira, durante as comemorações pelos 162 anos de emancipação político-administrativa de Casimiro de Abreu.

A Prefeitura, por meio da Secretaria de Trabalho e Renda, fechou uma parceria com a 121ª Delegacia de Polícia de Casimiro de Abreu, na qual dois funcionários receberam o treinamento com os policiais civis sobre como deve ser o correto preenchimento do pré-registro, no portal Delegacia Online, no endereço
dedic.pcivil.rj.gov.br.

Um computador estará à disposição para o pré-registro e quem desejar pode contar com o auxílio dos funcionários. O serviço estará disponível dentro de segunda a sexta-feira, das 9 às 17h.

De acordo com o secretário de Trabalho e Renda o procedimento é simples mas não é realizado pelos moradores quando são vítimas de algum crime. “O pré-registro de ocorrências pode ser realizado a qualquer momento pela internet mas muitas pessoas não sabem como fazer ou não têm acesso à internet. E se dirigir pessoalmente à Delegacia em Casimiro é dispendioso e, por isso, muitas pessoas acabam não registrando a ocorrência”, destacou o secretário, Alberto Massad.

O serviço vai beneficiar muitas pessoas em Barra de São João. Além de aproximar a população da polícia civil, vai ajudar a Instituição a ter um mapa da criminalidade no distrito.

“Hoje as estatísticas são baixas pois não temos registros das ocorrências, é como se não existisse criminalidade em Barra de São João, e sabemos que isso não é verdade. Essa parceria vai nos ajudar a traçar a realidade das estatísticas, aumentar o policiamento e direcionar melhor as ações na polícia civil no distrito”, destacou o inspetor chefe do setor de Inteligência da 121ª Delegacia de Polícia de Casimiro de Abreu, Adriano Moreira.

De acordo com o inspetor, uma facilidade do portal é a Denúncia de Bairro, no qual o morador pode fazer denúncia, de forma sigilosa, de diversos crimes indicando o bairro.

Em caso de crimes como, violência doméstica, violência contra criança ou adolescente e outros delitos graves, que necessitem de exame de corpo de delito ou médico, os funcionários irão acionar a Guarda Municipal, o Conselho Tutelar e até mesmo a Polícia Militar para que a parte seja conduzida à Delegacia e possa realizar o Registro da Ocorrência pessoalmente.

Pesquisar

Categorias

Notícias por Mês

Escolha o mês

Publicidade

No data was found