Gestão eficiente reduz gasto do poder público com o lixo

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on telegram
Share on twitter
Share on email
Share on linkedin
Share on print

Cerca de 35 Toneladas de resíduos são produzidos todos os dias em Casimiro de Abreu. E você sabe para onde vai todo esse lixo? O trabalho é realizado em conjunto pelas Secretarias Municipais de Obras e Meio Ambiente. Uma é responsável pelo recolhimento nas residências e estabelecimentos comerciais. A outra, em dar um destino final ambientalmente adequado aos resíduos.

Após o recolhimento na cidade, todo o lixo urbano vai para a Unidade de Transbordo, na localidade do Ribeirão. De lá, segue em grandes carretas para a correta destinação no Aterro Sanitário devidamente licenciado pelo INEA (Instituto Estadual do Ambiente).

Gerindo os resíduos de forma responsável, conseguimos uma economia de R$ 139.912,56 reais aos cofres públicos, além de garantir um ambiente mais limpo e saudável na Unidade de Transbordo, evitando a contaminação do meio ambiente e preservando a saúde dos trabalhadores locais.

“Com uma rotina de controle e gestão adequada na Unidade de Transbordo, evitamos o acúmulo de resíduo no local e reduzimos o valor pago para sua disposição final no aterro. Em um ano, tivemos uma redução de 1.529,15 Ton de lixo encaminhados, o que significa cerca de 15% a menos de lixo que segue para o aterro, e uma economia de R$ 139.912,56 reais aos cofres públicos, ou seja 15% em relação ao valor pago no ano anterior”, ressaltou a engenheira sanitarista ambiental da Semmads, Thainá Domingues.

Pesquisar

Categorias

Notícias por Mês

Escolha o mês

Publicidade

No data was found