Descentralização em marcação de exames reduz tempo de espera para usuários

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on telegram
Share on twitter
Share on email
Share on linkedin
Share on print

 

Se os postos de saúde são a porta de entrada no sistema de saúde, de marcação de exames é a sala de espera.

Diariamente, dezenas deles são agendados pela Secretaria Municipal de Saúde: dos mais simples como os de sangue e urina até os mais complexos como tomografia computadoriza, ressonância magnética, hemodiálise e cateterismo cardíaco, realizados fora de Casimiro de Abreu.

Antes centralizado na própria Secretaria, o agendamento dos exames laboratoriais: sangue, urina, fezes, pode ser requisitado diretamente nos postos de saúde para a Coordenação de Controle, Avaliação, Regulação e Auditoria (Conara).

Em Casimiro, a Conara fica na própria sede da Secretaria de Saúde e, em Barra de São João, na Policlínica Comunitária Ivanir Freitas.

“A exceção é o CREM – Centro de Referência de Especialidades Médicas -, que encaminha o usuário com solicitação de exames de alta complexidade, como ultrassonografia ou ressonância magnética,  para o posto de saúde de referência”, observa Juliana.

Isso, além de diminuir o deslocamento até a Central de Regulação de exames, possibilita um melhor acompanhamento do paciente pela Saúde”, explicou Juliana Santana, auxiliar municipal de controle e coordenação.

Uma vez encaminhado, o paciente aguarda o contato da Conara, em Casimiro ou Barra. Lá ele também é orientado em caso de necessidade de algum “preparo” – procedimentos específicos antes da realização de um exame.

Em média, o tempo de marcação é de 15 dias, mas em casos de urgência, podem ser reduzidos. No entanto, há exames complexos, que podem demorar um pouco mais.

A descentralização no agendamento de exames não só beneficiou Casimiro e seus distritos na Sede, mas sobretudo Barra de São João – a cerca de 40 km de distância.

No segundo distrito, o encaminhamento  é enviado dos postos para a central de marcação de exames  na Policlínica Comunitária Ivanir Freitas. “O mesmo procedimento feito em Casimiro é feito em Barra. Imagine um morador de Palmital tendo que se deslocar até Barra ou mesmo vir para Casimiro?”, finalizou Juliana.

Pesquisar

Categorias

Notícias por Mês

Escolha o mês

Publicidade

No data was found