Casimiro define estratégias contra a Covid

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on telegram
Share on twitter
Share on email
Share on linkedin
Share on print

-Por Aldo Gomes

O Governo Ramon Gidalte já definiu que estratégias imediatas  tomará para o enfrentamento do coronavírus nos primeiros dias do ano. Uma reunião, coordenada pelo subsecretário municipal de Saúde, Kaique Sarzedas, ocorrida na manhã de quarta-feira (6) na Secretaria de Saúde, no Centro de Casimiro de Abreu,  discutiu os pontos que serão atacados nos próximos dias. O encontro contou com as presenças de todo o segmento de Saúde do Município, secretários municipais de Saúde (João Paulo Goulart), Comunicação (Vinicius Moura) e André Gouveia (Ordem Pública e Defesa Civil).

O primeiro dos pontos discutido será  a extensão do último Decreto Municipal, publicado em 29 de dezembro. Ele deverá valer a partir desta sexta-feira,8, com pequenas modificações, segundo o subsecretário. “Nosso Governo tem a intenção de cumpri-lo à risca. Nosso objetivo no momento  é orientar as pessoas, sobretudo os comerciantes, para que não haja aglomeração e cumprimento das normas como distanciamento social, máscaras e uso de álcool em gel”, explicou Kaique.

Este trabalho de conscientização será feito pela equipe de Atenção Básica e Fiscalização da Saúde com apoio dos guardas municipais, que acompanharão as ações. No momento, o Município está em  estado de alerta – bandeira amarela. Barreiras sanitárias serão organizadas por guardas municipais. Eles darão suporte às equipes de saúde que orientarão o motorista quanto a medidas de prevenção à doença. Depois terá sua temperatura aferida. Antes de seguir, receberá um folheto informativo com as principais informações de prevenção sobre a Covid-19.

Somente haverá controle de entrada e saída de veículos se o Município atingir a bandeira vermelha  – alerta de risco máximo. Outro ponto discutido na reunião é a  possibilidade de distribuição gratuita  de um Kit Covid à  população de casa em casa  por equipes de Atenção Básica. O material é composto de máscara e álcool em gel. A proposta, no entanto, depende de ajustes orçamentários.   

Vacinação – Contatos com o governo estadual sobre a campanha de vacinação  no município já foram feitos. “Dependemos da liberação da vacina   para iniciar a vacinação no Município”, explicou Magna Rosa Miranda, coordenadora do Programa de Imunização.

Pesquisar

Categorias

Notícias por Mês

Escolha o mês

Publicidade

No data was found