Cultura, conhecimento e preservação

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on telegram
Share on twitter
Share on email
Share on linkedin
Share on print

 “Um país com memória é passado, presente e futuro” Ana Cristina Carvalho

Cultura, conhecimento e preservação.
Sob esses 3 eixos a Fundação Cultural Casimiro de Abreu está realizando o Simpósio e Capacitação do Patrimônio Histórico e Cultural. São 3 dias de muita informação e conhecimento com a equipe técnica do Instituto Estadual do Patrimônio Cultural – INEPAC.

No primeiro dia do Simpósio 02/02 (quarta-feira), realizado no auditório da Secretaria Municipal de Educação, os servidores da Fundação Cultural tiveram a oportunidade de aprenderem sobre o trabalho e a importância do INEPAC, o que é e como são realizados os tombamentos, as diferenças entre os tipos de Patrimônio Cultural: material e imaterial entre outros.

“É preciso criar raízes, entender a importância emocional que um local ou uma manifestação cultural, artística ou religiosa tem, antes que ela se perca. Não podemos enxergar o valor das coisas só depois que a gente perde.” disse Leonardo Alves, diretor do Departamento de Pesquisa e Documentação.

No segundo dia, 03/02, ocorreu a capacitação dos professores, peças fundamentais no auxílio à preservação do nosso Patrimônio Histórico e Cultural. A educação para o Patrimônio é um dos primeiros passos para a preservação, que por sua vez é a única forma de se manter a identidade cultural de um povo. A capacitação do professores contou também com a presença da Primeira-Dama Ciléia Gidalte.

 

Thaís Lopes, professora de História da rede pública participou da capacitação e exprimiu sua alegria em poder ter contato com o conteúdo “Falar de patrimônio é deixar um legado, uma herança para as próximas gerações. Fiquei muito feliz e emocionada com as falas do Leonardo e do Sérgio Linhares. Desejo que momentos como esses se repitam e que possamos compartilhar mais conhecimento.” disse Thaís.

 

Luciana Garcia falou da importância do Simpósio para a Cultura e a Educação “É muito importante que nossas crianças e adolescentes conheçam a história do lugar no qual eles vivem. Isso gera pertencimento e a vontade de preservar. Trazer para perto os professores e os próprios funcionários da Cultura faz parte desse processo.” disse a presidente da Fundação Cultural.

O último dia do Simpósio ocorre na próxima sexta, dia 04, no Centro Administrativo Célio Sarzedas em Barra de São João das 09h às 13h.

Estiveram presentes Ana Cristina Carvalho, diretora geral do INEPAC, Marcella Coelho, diretora do departamento de bens móveis e integrados, Roberto da Luz, arquiteto do Departamento de Patrimônio Cultural e Natural, Leonardo Alves, diretor do Departamento de Pesquisa e Documentação.

Saiba mais sobre o INEPAC acessando o link: http://www.inepac.rj.gov.br/

Pesquisar

Categorias

Notícias por Mês

Escolha o mês

Publicidade

No data was found